NPC 07 – A História dos Jogos Eletrônicos

Randal Bergamasco 25 de abril de 2012 11
NPC 07 – A História dos Jogos Eletrônicos

Reproduzir


Round One…FIGHT! O NA PORTEIRA deste mês percorre desde meados do século XX até 2012 para falar sobre A História dos Jogos Eletrônicos, o popular videogame! No programa de hoje, além de RANDAL BERGAMASCO, ALEXANDRE SACUTTI e HELTON DOS SANTOS, juntam-se a eles os convidados Thadeu Martinelli, o ED (@edwazah) do Retroplayers , IGHOR HENRIQUE (@IghorHenrique) do site VG&etc e EDDY BRUNO  (@TioBruno). Quando surgiram os primeiros jogos eletrônicos? Quem são os principais nomes da história dessa forma de entretenimento? Como são classificados? Convidamos você, mesmo que não seja gamer, a embarcar nesse bate-papo cheio de nostalgia e informação. Descubra com quantas gerações se faz um PS Vita; conheça como uma máquina de 500 dólares pode se transformar em uma empresa que vale milhões. E afinal de contas, o que falar sobre os novos jogos com sensores de movimento? Então, baixe o arquivo (ou escute no próprio player, você escolhe), pegue o controle 2, aperte “start” e venha se divertir conosco!

:-: NÃO QUER OUVIR A LEITURA DE E-MAILS? :-:
– Caso não queira ouvir o “Correio da Roça”, pule para 11min. 20sec.

:-: NÓS EM OUTROS PODCASTS: :-:
Ouça Randal Bergamasco no Telhacast (Episódio #30 – Rammstein)

:-: SITES DOS CONVIDADOS: :-:
– Retroplayers – Site onde participa o Ed
– VG&etc– Site onde participa o Ighor Henrique

:-: COMENTADO NESTE EPISÓDIO: :-:
– Após acidente, China bloqueia busca por “Ferrari” na rede (enviada pelo ouvinte Rafael Neves, Marília/SP)
– Emulação do OXO
– Vídeo do Tennis for Two
– Video do Spacewar!
– Comercial do Super Pong (1976) (em inglês)
– Comercial da Atari (1983) (em inglês)
– Vídeo com os melhores jogos do Atari
– Flyer do Pac Man Arcade (em inglês)
– Jogos gratuítos em Java de vários sucessos da Atari (Portal Terra)
– Foto da Hanafunda da Nintendo
– Foto do Mark III da Sega
– Vídeo sobre a guerra Nintendo vs. Sega 
– Abertura do Soul Edge (Soul Blade, no Japão)
– Abertura do RPG Langrisser V
– Conheça o Zeebo (Vídeo da PCWorld)
– Veja o Resident Evil do Zeebo (Vídeo)

– Análise completa do Nintendo 3DS (Video do Games Fever)
– Veja a máquina do Daytona USA (texto em português)
– PS Vita: primeiras impressões (matéria em vídeo da Tecmundo)

:-: PRÓXIMO NA PORTEIRA CAST: :-:
– Previsão da publicação do próximo episódio: última semana de maio

  • Gosto demais da abertura de vocês querendo tornar o caipira em algo descolado.
    Eu que agradeço a participação do Randal no telha, o episódio foi um sucesso.

    Gostei muito do cast, embora achei que a trilha no inicio, que tinha umas batidas fortes estava alta o suficiente pra desviar a atenção, mas só isso mesmo, no inicio da conversa.

    o Ed é phoda sempre.

    Vou contar uma história minha com o nintendo: fiquei mais de 1 ano com uma fita alugada, até que um dia decidi devolvê-la. Obviamente, eu pagaria uma multa gigantesca, então fiquei na porta da locadora, quando o atendente saiu do balcão eu fui lá e coloquei a fita em cima e saí correndo, nunca mais voltei lá.

    • Obrigado, Thiago, e da minha parte também foi um prazer imenso participar do Telhacast, ainda mais falando sobre Rammstein! Quanto ao som, como eu disse antes do início do cast, tivemos alguns problemas e INTENCIONALMENTE deixei a música um pouco alta. Mas é apenas no começo. E concordo com ti, O ED É PHODA MESMO! O Ighor e o Eddy também arrasaram! Valeu!

  • Paulo

    Ae Randal parabéns pelo blog. Muito bom!
    Grande abraços do seu colega de turma, Paulo.

  • Sem querer desmerecer os participantes desta edição (cujas credenciais são respeitáveis) nessa edição percebi uma coisa: sou um expert e nem sabia.

    Cheguei a jogar o famigerado Telejogo ainda no início dos anos 80 e me tornei oficialmente videogame “addicted” quando ganhei um Atari lá em 1984.

    Mas eu curtia mesmo era a “cultura do fliperama” na São Paulo “fin de siècle”, os “flipers” do Centro da cidade e aquela malandragem toda: um universo a parte!

    Depois fui passando de geração em geração de videogames domésticos e sou fã da plataforma Playstation desde o PS1 (os amigos podem me encontrar pra jogar GT5, COD3 e F1 2010: ID coveirinho na PSN).

    Concordo com o que falaram do Dreamcast. Eu quase me arrependi de comprar de comprar um PS One quando tive contato com ele. Foi uma plataforma que morreu muito mais por questões além de sua arquitetura, que era muito boa.

    Essa edição do cast, apesar dos problemas que o Randal elencou no início, foi muito legal e me trouxe recordações muito legais de um tempo bacana.

    Saudações aos amigos e aos participantes que… DETONARAM!

    • Muito obrigado, Coveirinho! E eu não sabia dessas suas “habilidades”! Como eu disse no cast, também fiz parte da cultura dos “flipers”, tenho muita saudade dessa época. Grande abraço e continue conosco!

  • Novamente fico honrado e feliz por ter paricipado do Cast com gente que gosta tanto de videogames, quanto eu.

    Desejo muito mais sucesso ao pessoal do Na Porteira e aos convidados do Cast, praticamente enciclopedias vivas da historia videogamística, aquele abraço.

    Eddy – “please, insert coin and press 1Player Button”

    • Obrigado, Eddy, e a gente espera contar com você para outras pautas que se encaixem no seu perfil. Estamos mais uma vez muitíssimos gratos por sua colaboração no NA PORTEIRA CAST!

  • Falaaaaaaaaaa galera da porteira!!
    Aqui é Tarsis Vinicius, 26 anos, Analista de Infra e sistemas, designer gráfico e podcaster do Qualquer Cast.

    Mais uma vez um ótimo programa e desculpe a mancada de não ter me apresentado direito no comentário do programa anterior!!
    Parabéns pelo tema, me lembrei de muitas coisas de minha infância.
    Sempre fui um Nintendista e hoje fui seduzido pelo Xbox e estou sendo muito feliz.
    Em relação ao que foi dito no cast sobre o Nintendo 64, eu fui um feliz proprietário do 64 e posso dizer que tiveram outros jogos muito bons além dos que foram ditos. Posso listar alguns:

    The Legend Of Zelda: Ocarine Of Time
    The Legend Of Zelda: Majoras Mask
    WCW VS NWO (jogo de luta livre)
    Banjo Kazooie
    Cruis’n USA
    1080 Snowboarding
    Iternational Super Star Soccer (as duas versões)
    Star Fox 64
    Killer Instinct Gold
    Jet Force Gemini
    Conker’s Bad Fur Day
    Diddy Kong Racing
    Doom 64
    Perfect Dark
    Duke Nukem 64
    Extreme-G
    Nightmare Creatures
    Ogre Battle 64: Person of Lordly Caliber
    Re-Volt
    Shadow Man
    Turok: Dinosaur Hunter e Turok 2: Seeds of Evil

    A lista é meuio grande, mas apenas queria demonstrar que existiram sim jogos muito bons. Claro que o Playstation dominou a geração, mas eu não trocaria meu Nintendo 64 por um Playstation, eu teria os dois hehehehe.

    Abraços para todos!!

    • Tarsis, eu que peço desculpas, já conversei com você via Twitter! Juro que me esqueci no momento da leitura dos e-mails… Cara, que lista, hein? E legal sua preferência pela Nintendo, mesmo após a Era Sony. Isso demonstra o quão diversificado é a preferência dos jogadores de videogame. Obrigado!

    • De boa hehehe
      Virei fã de vcs !!